Projeto de desfavelização em Curitiba prevê redução de 30% das comunidades

Desfavelização em Curitiba - Gazeta do Povo

Desfavelização em Curitiba - Gazeta do Povo

     

Moradores de Curitiba preocupam-se com o crescimento das favelas. O governo promete fazer sua parte para minimizar o problema, segundo o jornal  Gazeta do Povo, em edição publicada no mês passado. E mesmo em meios a uma verdadeira crise no setor da habitação (problema que o Rio de Janeiro não enfrentaria), estão firmes no propósito. Por que nossa cidade não pode mirar-se em exemplos como este.

Ainda segundo a publicação, nos próximos dois anos, a área favelizada de Curitiba vai ser reduzida em 30%. O número é animador para a cidade que está assentada sobre um barril de pólvora chamado crise da habitação. Foram duas décadas sem bons investimentos no setor, somadas a problemas crônicos em áreas como a Vila das Torres e a Vila Parolin – que de tão antigas hoje estão presentes no imaginário da cidade tanto quanto o Batel ou as Mercês. O saldo de tudo isso é brutal e – para quem se fiúza nas campanhas publicitárias inspiradas em contos de fadas – inacreditável.

“…Dados do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (Ippuc) apontam 258 áreas de ocupação irregular na capital, somando 55.460 domicílios, que abrigam cerca de 220 mil curitibanos sem-teto. Essa gente vive num mundo à parte – e não só porque favelas não são propriamente um jardim ambiental feito o da Rua Schiller. Em paralelo às situações de miséria que colocam em descrédito as políticas públicas locais, as ocupações encontraram seu modo de existir. Engana-se quem pensa que ver uma favela é ver todas. Elas não são apenas muitas, degradadas, informais, violentas e abandonadas. São também muito diferentes entre si. É uma pena que essa variedade seja estudada por uns poucos”.

 

 

 

Vale a pena ler a matéria na íntegra. Clique aqui.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: