Jornalistas são torturados em favela na Zona Oeste

Não é possível falar de outro assunto senão a barbárie sofrida por uma equipe de reportagem do jornal O Dia, na favela do Batam, na Zona Oeste, no último dia 14. A tortura cometida por milicianos (grupo de paramilitares que controlam uma região através da força) foi publicada hoje e foi motivo de indignação da sociedade, autoridades e políticos. A equipe investigava a ação destes milicianos junto aos moradores e por isso foram espancados, submetidos a choques, sufocamento, roleta russa e terrorismo psicológico.  A cena descrita pelo jornal nos remete à ditadura militar.

Quem lê a matéria fica perplexo com a violência na favela. Mas alguns pontos chamam a atenção para ações que poderiam ser tomadas e simplesmente não acontece. Vimos que grupos de policiais e paramilitares estão controlando cada vez mais comunidades. Já expulsaram o tráfico em dezenas de favelas. Isso nos mostra que se eles podem, o Estado também pode. Pode combater traficantes e milicianos e retomar o poder nestas áreas e assim começar efetivamente um processo de desfavelização.

Outro ponto que enoja qualquer cidadão, é ver que políticos, homens que deveriam defender os interesses da população, de seus eleitores,  apóiam o crescimento da favelização e a invasão de milicianos nestas comunidades. Desta forma, eles cadastram o número de eleitores e os obriga a votar no candidato escolhido pela milícia. O candidato paga caro pelo “apoio”. Isto é criminoso. O Estado precisa entrar com vontade nas favelas para promover o processo de desfavelização com projetos urbanísticos, reflorestamento das áreas desmatadas e a transferência de moradores para casas populares. Essas casas podem ser construídas com recursos do Fundo Nacional de Habitação,por exemplo, mas para isso, também é necessário “limpar” nossa Câmara dos Vereadores.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: